• Possui alguma dúvida?
  • Phone: +(34) 3212-1477
  • Email: contato@escritorialcontabil.com.br
Stay Connected:

Atenção, empresários! Receita afirma que, mesmo com a suspensão da exclusão do Simples Nacional, cobrança dos débitos continua!

Atencao Empresarios Receita Afirma Que Mesmo Com A Suspensao Da Exclusao Do Simples Nacional Cobranca Dos Debitos Continua - Abrir Empresa Simples

Receita confirma que não haverá exclusão do Simples Nacional

Em nota, Receita afirma que mesmo com a suspensão da exclusão do Simples, a cobrança dos débitos continua normalmente.

Devido a crise provocada pela pandemia de coronavírus, a Receita Federal havia informado, em julho, que micro e pequenas empresas inadimplentes com o Simples Nacional não seriam excluídas do regime especial em 2020.

Na época, o Fisco atendeu um pedido do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e decidiu suspender o processo de notificação e de expulsão do regime como forma de ajudar os pequenos negócios.

Contudo, diversos leitores do Contábeis relataram que receberam intimações de cobranças relativas a débitos de 2020. Conforme mostra a intimação abaixo:

File 20201124 0910fsr5kyaxlqx4 - Quero montar uma empresa

De acordo com a contadora Ana Laura Alonso, a notificação chegou pela caixa postal dos clientes inadimplentes que são optantes do Simples Nacional.

“Quando fui fazer as apurações de outubro, me deparei com a intimação na caixa postal dos clientes. Todos receberam a notificação de exclusão caso os débitos não sejam colocados em dia”, conta.

Entretanto, em nota exclusiva para o Contábeis, a Receita Federal informou que a suspensão da exclusão está mantida.

“Neste ano, excepcionalmente, não haverá a exclusão do Simples Nacional por dívidas. Entretanto, a cobrança dos débitos continua normalmente com a emissão dos avisos de cobrança”, afirmou o Órgão.

Exclusão do Simples Nacional

Em 2019, mais de 730 mil empresas foram notificadas para exclusão do Simples por débitos tributários. Desse total, cerca de 224 mil quitaram os débitos e 506 mil empresas acabaram excluídas do regime.

De acordo com o Sebrae, a manutenção das empresas no Simples Nacional, regime que unifica a cobrança de tributos federais, estaduais e municipais num único boleto, representa uma ação importante para impulsionar a recuperação dos negócios de menor porte, que tiveram prejuízos com a paralisação das atividades.

Segundo levantamento do Sebrae e da Fundação Getulio Vargas (FGV), o percentual de perda média do faturamento chegou a 70% na primeira semana de abril. Foram ouvidos 6.470 proprietários de negócios em todo o país, entre microempreendedores individuais, micro empresas e empresas de pequeno porte.

Fonte: Contábeis

Assine nossa newsletter

Receba dicas valiosas para o seu negócio semanalmente!

    Se você precisa de serviço relacionado ao artigo ou necessita de maiores informações sobre o assunto, conte conosco, da Escritorial.

    Prestamos assessoria por meio de uma equipe treinada e qualificada nas áreas contábil, fiscal, pessoal, societária e tributária; além disso, atuamos com Imposto de Renda e com auditoria,

    Entre em contato conosco utilizando as informações disponibilizadas em nosso website, caso você prefira, você pode utilizar o nosso formulário de contato.



    Recomendado só para você!
    Contrato de sociedade de advogados: Saiba a importância e tenha…